Exigências

07/11/2017

Exigistes de mim aquilo que eu não podia te doar,

Mas que só tu podes me ofertar.

Me pediste o que eu não podia fazer,

Mas que só tu podes compreender.

Me mostras o caminho que não podia prosseguir

Mas que só tu podias me levar por ele segurando a minha mão, para não Cair por chão.

Me pediste a fé que eu ainda não possuo,

Mas que só tu tens o poder da transformação.

De transformar o espinho em flor, e a dor em Amor!

Me pediste a paciência que eu não tenho, mas que só tu me concede-la a cada novo amanhecer.

Me pediste para olhar para o céu para poder ver e sentir o meu eu, mas nada vi e senti porque só tu podes, - Ó Vida- retirar o meu véu e assim vivenciar o segredo do Amor de Deus Nosso Senhor.