Prisão sem muros

01/12/2016

Estive pensando em alguma coisa, e o que descobri muita coisa, ou coisa alguma!

Estive pensando e, escrever algo que tocasse o nosso coração, mas nada me vem á mente, a não ser o Ser, o sentimento do meu, do nosso coração!

Saio quando quero para todo o lado, para o lugar que eu esteja com vontade, pois ninguém manda no meu querer, sou livre. Mas até quando?

Mas fazendo o que quero e o que eu desejo, eu me sinto presa diante de tanta liberdade; sinto-me presa dentro de minha própria realidade, pois diante de tanto livre-arbítrio, meu coração se sente muito triste.

Meu coração se sente triste, porque ele sente sozinho e esquecido. Ele me fala de lindos sentimentos, me conta seus segredos, mas eu não o quero escutar, devido a ter certeza que ele vai, me dizer que devo seguir por outro caminho totalmente deferente, caminho este vai tirar a liberdade que eu acredito que eu tenho.

Liberdade esta que só existe em minha cabeça, e não no meu coração.

O meu coração me diz que devo respeitar e seguir o que ele me pede, pois só assim, eu serei realmente livre, fazendo meu interior feliz e alegre.

O segredo da nossa liberdade, e a alegria está no Bem que desejamos para quem convive conosco, e não no nosso próprio bem!

Sempre que pensarmos apenas em nós, a nossa mente deixa de receber a sabedoria e a visão do sentimento do osso coração, ficando uma mente cega e enferma, não sabendo mais o quem somos e o que fazemos aqui.

Quando ficamos neste estagio, a nossa capacidade de enxergar é limitada, vemos apenas a nos mesmo, e amais ninguém!

Enquanto agirmos assim, pensando apenas no nosso querer, nossa vontade, e nas nossas dores, estaremos vivendo dentro da nossa própria prisão, uma prisão sem muros.

Só o perdão pode nos libertar de dentro de nossa solidão, e nos ajudará a encontrar a alegria de ser livre ajudando o nosso irmão.

Ser livre não significa fazer o que queremos, mas sim, estar em paz com o nosso coração.

Prisão sem muros é poder ir para qualquer lugar, mas o nosso coração está preso á magoa, rancor, decepção e ódio.

Só o Amor pode nos libertar da nossa prisão sem muros!