Queria tanto entender

08/11/2017

Queria tanto entender

O porquê de não compreender...

Queria tanto entender

O porquê de ofender...

Muitas vezes sem razão,

O que vem ferir nosso coração.

Com esta ação

Queremos chamar atenção

Para o que está dentro do nosso interior...

Mas, diante da ofensa, onde está o Amor?

Queria tanto entender

O porquê de não ceder

Depois de uma briga.

Briga esta que só nos ensina

Tudo de negativo

E nada de positivo.

Porque não falar

Com quem nos decepcionou

Mas, que um dia tanto nos amou.

Será que o rancor

É bem forte do que o Amor?

Não! Claro que não!

Então porque não perdoar

Invés de persistir em magoar

Quem um dia nos feriu

Mesmo sem pensar.

Isso porque nunca sentiu

A brisa do saber Amar

Trazendo a sabedoria

Do encantar

A nossa vida!

Querida tanto entender

O que está dentro do ser

Que não consegue se libertar

De tudo aquilo, que o impede de amar!

Que prefere continuar

Dentro de uma prisão,

Do que vivenciar a emoção

De se sentir tão leve quanto os passarinhos

Voando pelo azul do céu.

Querida tanto entender

O ficar em silencio

Diante de quem lhe causou uma imensa dor

Mas, que também lhe doou todo o seu amor.

Querida tanto entender

O porquê de não ver

A todo amanhecer

O sol renascer

Dentro de cada ser

E sentir renascer

A sua doce esperança

Que quando criança

Fazia aparecer

Em cada novo anoitecer.

Indo adormecer

Liberto do poder terrestre.

Sentindo em coração a liberdade

Que a levaria ao encontro de sua Felicidade.