Sinto a vida

31/10/2017

Sinto a vida de uma forma toda especial.

Sinto a vida que me fala do ser que não podemos ver ou sentir.

Sinto a vida que me fala de amor toda a vez que sinto dor.

Que me faz sorrir diante das lagrimas, que teimam em deslizar pelo meu rosto.

Que me segura pela mão quando estou preste a cair.

Que me mostra o caminho a seguir toda a vez que eu neutralizo, ficando sem saber por aonde ir.

Que me dá esperança diante da tempestade.

Que me acolhe diante da morte, a qual não é o fim, mas o recomeço.

Sinto a vida a todo o anoitecer e a amanhecer, me trazendo a alegria para o deserto do meu ser.

Agora posso sentir a presença da essência do meu Deus e eu Senhor!