Amadurecimento

10/10/2018

Eu aprendi que a dor que tivemos no passado, não pode impedir a gente, de prosseguir com muita alegria no futuro.
Eu aprendi que não somos absolutos no mundo, há pessoas muito mais importantes do que nós mesmos, e que temos que apreender com elas, a sermos nós mesmos de verdade, pois nós somos especiais naquilo que somos, mas não mais importantes do que aqueles que estão do nosso lado.
Eu aprendi que ser compreensivo nas horas erradas faz dor demais o nosso coração, porque recolhemos a dor sem reclamar, com receio de machucar quem amamos de verdade.
Eu aprendi que ser feliz, não é fazer as nossas vontades, mas as vontades de quem tanto nós amamos, pois ser feliz é conquistar e provocar um lindo sorriso nos lábios de quem tanto queremos bem.
Eu aprendi que ser mãe, não é uma tarefa fácil, pois saber o que se passa no coração de seu filho requerer uma grande sabedoria, por ele por mais forte que seja, em certas horas se torna frágil e muito sensível, e é nestas horas que ele precisa do colo de sua mãe, mas como saber a hora certa, se ele se esconde atrás de sua frágil força.
Eu aprendi que ser filha é muitas vezes doloroso de mais, porque queremos que nos entendam, nos compreendam, e ás vezes nós queremos apenas, só uma caricia, um gesto de carinho, um aconchego no colo de mãe, pois estas tão simples coisas podem aliviar a nossa dor emocional, a nossa fragilidade e nos dar força, para caminharmos no dia de amanha, sem medo e sem receio de nos ferimos, mas como podemos demonstrar que precisamos deste amor maternal, como fazer para seguir adiante sem aquilo que tanto nos faz bem e nos faz fortes na nossa vida, o amor maternal.Eu aprendi que não devemos nos envergonhar daquilo que somos, e o que podemos fazer, pois todos nós somos filhos do mesmo pai, e se eu sou melhor nesta tarefa, tenho a certeza que há alguém que é melhor do que eu, naquela outra ocupação, nós não podemos ser bons em todas as coisas que fazemos, mas o importante é ser bom naquilo que sabemos fazer de verdade. E cada um ser bom naquilo que sabe é o segredo da sabedoria do mundo, pois todos nós precisamos da sabedoria de uns dos outros para construir a estrutura do mundo, pois sem esta união de sabedoria não existiria o amanha, e ter a esperança que este amanha será melhor do que o hoje.